Seu Browser não suporta JavaScript!
TJBA Radio
Rádio TJBA RÁDIO TJBA
Selo Justiça
Facebook Twitter Youtube Flickr Instagram

Sinal vermelho: Coordenadoria da Mulher do PJBA apoia campanha do CNJ

Texto: Ascom PJBA

Compartilhar:
Imagem Galeria

Um X vermelho desenhado na palma da mão pode colocar fim a uma situação de violência doméstica. Para oferecer mais uma forma de pedir ajuda à mulher vítima de violência doméstica, a Coordenadoria da Mulher do Poder Judiciário da Bahia (PJBA) apoia a campanha Sinal Vermelho através de uma série de cards publicados no instagram (@tjbaoficial) e matérias no site esclarecendo sobre violência doméstica (e como combatê-la).

A vítima ou alguém próximo a ela, pode se dirigir a uma farmácia com um “X” desenhado na mão e mostrar ao farmacêutico ou ao atendente da farmácia. Após a denúncia, os profissionais das farmácias seguem um protocolo para comunicar a polícia e o acolhimento à vítima. Balconistas e farmacêuticos não serão conduzidos à delegacia e nem, necessariamente, chamados a testemunhar.

Promovida pelo Conselho Nacional de Justiça (CNJ) e a Associação dos Magistrados Brasileiros (AMB), a campanha conta com apoio da Coordenadoria da Mulher do PJBA, magistrados e servidores.

Na Bahia, dentre as farmácias participantes, estão: Pague Menos, Drogaria São Paulo, Extrafarma, Drogarias Globo, Rede Multmais, Drogasil, e Singular Parma.

Participe você também e diga “NÃO” ao isolamento sem proteção!

Compartilhar:
Imprimir