Seu Browser não suporta JavaScript!
TJBA Radio
Logo
Rádio TJBA RÁDIO TJBA
Selo Justiça
Facebook Twitter Youtube Flickr Instagram

Setembro Amarelo: Roda de Conversa “Valorização da vida e prevenção do suicídio” integra programação

Texto: Ascom TJBA

Compartilhar:
Imagem Galeria

No mês de prevenção ao suicídio, o Tribunal de Justiça da Bahia (TJBA), por meio da Secretaria de Gestão de Pessoas (Segesp) e Diretoria de Assistência à Saúde (DAS), adota a Campanha Setembro Amarelo. Durante esse período, serão promovidas diversas ações, entre elas a Roda de Conversa “Valorização da Vida e prevenção do suicídio”.

Serão dois encontros. O primeiro ocorre no dia 18 (quarta-feira), às 9h30, no auditório do edifício-sede da Corte baiana, no Centro Administrativo. No dia 27 de setembro (sexta-feira), a Roda de Conversa será no auditório de casamento, no Fórum das Famílias, em Nazaré, às 12h30.

Participam como facilitadores, os profissionais da Coordenação da Saúde Ocupacional (Cosop), o Médico e Coordenador da unidade, Paulo Ferreira; Ana Paula Teles e Cláudio Silva, Psicólogos do Núcleo Multidisciplinar de Atenção à Saúde do Servidor; a Nutricionista Jamile Zogbi; e o Massoterapeuta da Cosop e voluntário do Centro de Valorização da Vida (CVV), João Eudes.

Artigos – A programação do mês inclui também a publicação de artigos especiais sobre o tema. Na primeira semana, a Nutricionista Jamile Zogbi esclareceu sobre a relação entre alimentação e uma boa saúde mental. Nessa segunda-feira (9), foi a vez do Psicólogo Cláudio Silva falar sobre o Suicídio e o Poder da Palavra.

ACESSE AQUI OS ARTIGOS
A alimentação e nutrição e sua influência sobre a saúde mental
Suicídio, sofrimento e o poder da palavra

Todos os artigos já divulgados estão disponíveis, para Magistrados e Servidores, no espaço Minuto Saúde, na Intranet (acesso pelo Portal do TJBA, no menu lateral azul, na opção ‘servidor > minuto saúde’; ou diretamente pela Intranet).

As ações de saúde do TJBA seguem as diretrizes do Comitê Gestor Local de Atenção Integral à Saúde dos Magistrados e Servidores, presidido pela Desembargadora Pilar Célia Tobio de Claro. O Comitê cumpre a Resolução nº 207 do Conselho Nacional de Justiça (CNJ), que instituiu a Política de Atenção Integral à Saúde de Magistrados e Servidores do Poder Judiciário, bem como a Resolução do Tribunal Pleno nº 20, que reafirma a orientação de adoção de políticas e ações relacionadas à saúde e ao bem-estar dos servidores.

Compartilhar:
Imprimir