Publicado em
Atualizado em

IMPLANTAÇÃO DA VERSÃO DO PJE 2.O NO 1° GRAU

As comarcas que já possuem PJe, a partir desta segunda-feira 22/01/2018,  receberão a versão do sistema  Processo Judicial Eletrônico evoluída para a versão 2.0, dessa forma, o tribunal unifica a versão do primeiro e do segundo grau para versão mais robusta com diversas correções e melhorias. 

A nova versão do PJe simplifica o uso do aplicativo, é mais intuitiva e apresenta uma interface mais limpa e agradável para o usuário. O número de cliques é menor e também o tempo necessário para a exibição dos conteúdos. Com o PJe 2.0, passa a funcionar o PJeOffice, software que, entre outras coisas, possibilita a assinatura de arquivos em modo offline, permitindo salvar versões assinadas em pastas locais e, posteriormente, inserir uma a uma no PJe, sem precisar assiná-las novamente. O PJeOffice também garante a validade jurídica de processos e documentos, substitui a necessidade do plugin Oracle Java Runtime Environment no navegador de internet e gera maior praticidade na utilização do sistema. Para o usuário que desejar instalar a facilidade em sua máquina, basta realizar o download e seguir os passos indicados.

O PJeOffice pode ser instalado nos sistemas operacionais Windows, MacOs 64 bits, Debian 32 bits, Debian 64 bits e Unix. O aplicativo funciona com as versões atuais dos navegadores Mozilla e Google Chrome, podendo ser usado com o navegador PJe do CNJ.

Para realizar a instalação, basta fazer o download do aplicativo, descompactar a pasta e executar o instalador. Se tiver alguma dificuldade para realizá-la, consulte o guia de instalação do CNJ.

Com o PJeOffice instalado na máquina e utilizando a opção na tela de login do sistema ""Modo de assinatura local", será possível assinar de forma muita rápida não tendo mais problemas com plugins do java dos navegadores.

Antes de executar o PJe, caso tenha problemas favor consultar o link PjeOffice.