Seu browser não possui suporte para Javascript.
  • Compartilhar

Há muito, disse Arquimedes: “Dai-me uma alavanca e um ponto de apoio e eu moverei o universo”.

Eis a dinâmica da relação entre Poder Público e o Poder do Voluntariado. O primeiro é a força, o segundo a alavanca. A força sem a alavanca é muda, fria, não avança, não transforma. A alavanca sem a força é estática, triste, sem objetivo específico.

Sabemos que a comunidade só enxergará o verdadeiro Poder Judiciário quando se aproximar, se envolver com ele, entendê-lo bem, conhecendo sua realidade, seus objetivos e suas dificuldades.

Por outro lado, valioso o apoio entusiasmado e criativo do voluntariado que expressa sua solidariedade e cidadania doando seu tempo, trabalho e talento para a causa da Justiça.

 
Corregedoria das Comarcas do Interior do Estado da Bahia

A Corregedoria das Comarcas do Interior, através do Provimento n°4/2011 , regulamenta o recrutamento, credenciamento e certificação para estagiários voluntários nas unidades cartorárias, Judiciais e Extrajudiciais e também nos Juizados Civis e Criminais das Comarcas do Interior do Estado da Bahia.

A prestação de serviço voluntário será permitida a cidadãos maiores de 18 anos anos que sejam estudantes regularmente matriculados em estabelecimentos de ensino de nível superior, público ou particular.

Há muito, disse Arquimedes: “Dai-me uma alavanca e um ponto de apoio e eu moverei o universo”.

Eis a dinâmica da relação entre Poder Público e o Poder do Voluntariado. O primeiro é a força, o segundo a alavanca. A força sem a alavanca é muda, fria, não avança, não transforma. A alavanca sem a força é estática, triste, sem objetivo específico.

Sabemos que a comunidade só enxergará o verdadeiro Poder Judiciário quando se aproximar, se envolver com ele, entendê-lo bem, conhecendo sua realidade, seus objetivos e suas dificuldades.

Por outro lado, valioso o apoio entusiasmado e criativo do voluntariado que expressa sua solidariedade e cidadania doando seu tempo, trabalho e talento para a causa da Justiça.

 
Corregedoria das Comarcas do Interior do Estado da Bahia

A Corregedoria das Comarcas do Interior, através do Provimento n°4/2011 , regulamenta o recrutamento, credenciamento e certificação para estagiários voluntários nas unidades cartorárias, Judiciais e Extrajudiciais e também nos Juizados Civis e Criminais das Comarcas do Interior do Estado da Bahia.

A prestação de serviço voluntário será permitida a cidadãos maiores de 18 anos anos que sejam estudantes regularmente matriculados em estabelecimentos de ensino de nível superior, público ou particular.

DOCUMENTOS NECESSÁRIOS

I – Ficha de Inscrição devidamente preenchida,acompanhada de duas fotos 3×4 e de cópia de documentos de identidade, CPF e comprovante de residência.

II – Certidão de antecedentes criminais.

III – Carta de indicação do Juiz de Direito Titular, ou em exercício,da unidade onde o serviço voluntário será prestado, com identificação e assinatura do servidor que supervisionará a atuação do prestador de serviço voluntário (Anexo III).

IV – “ Curriculum vitae ” ,

V-Certificado de matrícula regular atualizado.

FORMULÁRIO DOS TERMOS DE ADESÃO

Termo de Adesão I

Termo de Anexo II

Termo de Anexo III

 

Maiores informações procurar a Administração do Fórum das Comarcas do Interior.

SISTEMA DE INFORMAÇÃO AO CIDADÃO